Linksan Agência Web
              
featured-image

Google Analytics: como usá-lo para medir a saúde do site?

Ao criar uma campanha, uma pergunta importante a ser respondida é: quais são os resultados de cada uma das ações do meu time? O entendimento de como usar o Google Analytics pode fornecer a resposta.

Afinal, estamos falando de uma ferramenta que revela informações valiosas sobre os seus clientes, permitindo uma noção privilegiada sobre a performance dos produtos, materiais da empresa, time de marketing, comportamento do consumidor, entre outros dados.

Quer saber como usar esse serviço para impulsionar suas páginas? Então, continue a leitura!

Como usar o Google Analytics?

Você já sentiu que tinha poucas informações sobre quem consumia seus produtos? Boa parte das estratégias de marketing digital tem como base uma persona ou um público-alvo bem definido, e para isso são necessários alguns dados sobre quem seus consumidores.

Essa é uma das utilidades do Analytics: fornecer informações para avaliar o comportamento de quem navega no seu site, dando mais recursos para manter uma boa presença na web.

O primeiro passo para isso é criar uma conta na plataforma. Lembre-se de tomar cuidado na hora de inserir informações mais técnicas, como fuso horário e compartilhamento de dados.

Quais relatórios ele pode gerar?

O Google Analytics é uma ferramenta estatística. E o que isso significa? Simples. Trata-se de uma plataforma que permite inúmeras possibilidades de relatórios.

O de bounce rate, por exemplo, mostra a fração dos usuários que navegam por uma página do seu site, enquanto o exit rate indica os usuários que exploram mais links. O relatório de palavras-chave dimensiona o número de pessoas que conheceram sua página por palavras-chave do Google Ads em comparação com o tráfego orgânico.

Outra possibilidade é a criação de um relatório personalizado. Assim, você seleciona as informações que procura, escolhendo dimensões, métricas, modo de exibição, etc.

E quais são as métricas mais importantes?

Bons resultados andam de mãos dadas com boas métricas. A seguir, confira quais delas você deve ficar atento:

Origem de tráfego

Sua página precisa ser acessada a partir de algum lugar, certo? Seja por meio de redes sociais, pesquisas no Google ou link direto, a origem de tráfego indica qual meio proporciona o maior retorno.

Conversão

Dependendo da etapa do funil em que seu público se encontra, a conversão pode ter diferentes significados, desde o preenchimento de dados em uma landing page até a compra de um produto. Geralmente, ela é provocada por um CTA.

Duração da sessão

A sessão é definida por um conjunto de ações do visitante em um determinado tempo no site, sendo finalizada após meia hora sem atividade do usuário.

Como você viu, aprender como usar o Google Analytics é essencial para qualquer marca que almeja conseguir uma boa presença online. Os dados estatísticos são importantíssimos para acompanhar, alterar e reelaborar uma boa campanha. Além disso, as métricas fazem com que a sua estratégia seja mais rica e proveitosa, ajudando a identificar detalhes que melhoram a experiência do cliente.

O que achou do nosso texto? Quer ficar ainda mais por dentro do assunto? Então, siga a gente nas redes sociais!

Post Your Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Inscreva-se em nossa Newsletter
Loading
Arquivos
Copyright ©2021. Linksan - Todos os Direitos Reservados